segunda-feira, 15 de outubro de 2018

24 de Novembro: "Caminhada dos Cogumelos" || November 24th "The Mushrooms Walk"

No dia 24 de Novembro, pelas 9h horas, a ATNatureza, em parceria com a "Ambieduca", irá realizar uma Caminhada dos Cogumelos, pela Reserva da Faia Brava. 
Esta é uma excelente oportunidade para dar as boas-vindas ao Outono e aos tempos frios, explorar a Reserva da Faia Brava e ainda conhecer um pouco mais sobre o mundo dos cogumelos. 

Para as inscrições, fale connosco (960 408 190) ou envie-nos um e-mail (comunicacao@atnatureza.org), com o seu nome completo, NIF e data de nascimento (para efeitos de seguro). 

O preço, para sócios, é de 7.5€ e, para não sócios é 10€, em que, para além de uma visita à Reserva da Faia Brava, poderá saber mais sobre os cogumelos e ainda levá-los para casa. 

Por estes e por todos os motivos, não há desculpa para faltar a esta actividade. 

Contamos com todos! Afinal quem não gosta de cogumelos?!

Será um dia em grande!

ENGLISH VERSION

On November 24th, at 9:00 am, ATNatureza, in partnership with "Ambieduca", will hold "The Mushroom Walk" through the Faia Brava Reserve.

This is an excellent opportunity to welcome autumn and cold weather, explore the Faia Brava Reserve and learn more about the world of mushrooms.

For registration, contact us (960 408 190) or send us an e-mail (comunicacao@atnatureza.org), with your full name, VAT number and date of birth (for insurance purposes).

The price for members is € 7.5 and for non-members is € 10 where, in addition to a visit to the Faia Brava Reserve, you can learn more about the mushrooms and still take them home.

For these and for all reasons, there is no excuse for missing out on this activity.

We count on everyone! After all, who does not like mushrooms ?!

It will be a big day!



domingo, 14 de outubro de 2018

Campo de Trabalho ATNatureza 2018/19 - Plantação de Árvores | Apanha de Azeitonas | Recolha de Sementes || Work Field ATNatureza 2018/19 - Planting Trees | Harvest of Olives | Seed Collection

A ATNatureza, entre 02 de Dezembro e 13 de Janeiro, irá organizar o Campo de Trabalho ATNatureza 2018/19 voluntário, dedicado à plantação de árvores, apanha da azeitona e recolha de sementes.

O Campo de Trabalho, dividido em dois períodos - o primeiro entre 02 e 16 de Dezembro de 2018 e, o segundo de 06 a 13 de Janeiro de 2019 -, é dirigido a todos os conservacionistas que tenham vontade de ajudar a ATNatureza a realizar tarefas como plantação de árvores na Ribeira do Mosteiro,  para a recuperação ambiental da área ardida (mossy earth),  'apanha de azeitonas' dos olivais da Reserva da Faia Brava e, a recolha de sementes para semear no nosso viveiro florestal e futuras plantações.

Aos voluntários, a ATNatureza oferece o alojamento e alimentação básica (massa, arroz, entre outros do género) e, no caso de virem em transportes públicos, apoia no transporte para Figueira de Castelo Rodrigo.

Para além disso, garantimos animação, bom ambiente de trabalho e oportunidade de disfrutar da paisagem única da região.

Como vêem, estão reunidas todas as condições para serem quatro semanas em grande!

Precisamos das suas mãos! Contamos consigo!

Inscreva-se: Formulário de Inscrição. 

PROGRAMA CAMPO DE TRABALHO ATNATUREZA 2018/19

1ª Sessão Campo de Trabalho: 02 a 16 de Dezembro | 2018
Tarefas: Plantação de árvores; Apanha de azeitonas; Recolha de sementes

02 (domingo): 
09h - 14h: Recepção dos voluntários + Acomodação
14h: Visita à Reserva da Faia Brava + Apresentação da ATNatureza

03 a 07 (Segunda a Sexta-feira)
8h30 - 17h30: Campo de Trabalho

08 (Sábado):
08h30 - 14h: Apanha de sementes
Tarde livre para os voluntários

09 (Domingo):
Folga dos Voluntários

10 a 14 (Segunda a Sexta-feira):
08h30 - 14h: Campo de Trabalho

15 (sábado):
08h30-14h: Apanha de Sementes
Tarde livre para os voluntários
Jantar de despedida

16 (domingo):
Partida dos Voluntários

2ª Sessão Campo de Trabalho: 06 a 13 de Janeiro | 2019
Tarefas: Plantação de árvores; Recolha de sementes

06 (domingo): 
09h - 14h: Recepção dos voluntários + Acomodação
14h: Visita à Reserva da Faia Brava + Apresentação da ATNatureza

07 a 12 (segunda a sexta-feira)
8h30 - 17h30: Campo de Trabalho

13 (Sábado):
08h30 - 14h: Campo de Trabalho
Tarde livre para os voluntários
Jantar de Despedida

14 (Domingo):
Partida dos Voluntários

ENGLISH VERSION


ATNatureza, between December 2nd and January 13th, will organize the ATNatureza 2018/19 Volunteer Work Camp dedicated to the tree planting, harvest of olives and seed collection.



The Work Field, divided into two periods - the first between December 02nd and 16th, 2018, and the second between January 06th and 13th -, is addressed to all conservationists who are willing to help ATNatureza perform tasks such as planting of trees in Ribeira do Mosteiro, for the environmental recovery of the a burned area  (mossy earth), harvest of olives from the olive trees of Faia Brava Reserve, and the collection of seeds to sow in our nursery and for future plantations.

To the volunteers, ATNatureza offers accommodation and basic non-perishable food (pasta, rice, among others) and, in case of use of the public transports, supports transportation to Figueira de Castelo Rodrigo.

In addition, we guarantee animation, good work environment and opportunity to enjoy the unique landscape of the region.

You see, we have all the conditions to be four wonderful weeks

We need your hands! We count on you!

Sign Now: Application form


FIELD OF WORK ATNATUREZA PROGRAMME 2018/19
Tasks: Tree planting; Harvest of olives; Seed collection

1st Session Workfield: December 02nd to 16th | 2018

02 (Sunday):
09 a.m. - 2 p.m.: Reception of the volunteers + Accommodation
2:00 pm: Visit to the Faia Brava Reserve + ATNatureza Presentation

03 to 07 (Monday to Friday)
8:30 a.m. to 5:30 p.m.: Work Field

08 (Saturday):
08h30 - 14h: Seed collection
Afternoon free for volunteers

09 (Sunday):
Volunteer Fulfillment

10 to 14 (Monday to Friday):
8:30 a.m. - 2:00 p.m.: Work Field

15 (Saturday):
08h30-14h: Seed Harvest
Afternoon free for volunteers
Farewell dinner

16 (Sunday):
Departure of Volunteers

2nd Session Workfield: 06 to 13 January | 2019
Tasks: Tree planting; Seed collection

06 (Sunday):
09:00 a.m. - 2:00 p.m.: Reception of the volunteers + Accommodation
2:00 p.m.: Visit to the Faia Brava Reserve + ATNatureza Presentation

07 to 11 (Monday to Friday)
8:30 a.m. to 5:30 p.m.: Work Field

12 (Saturday):
08:30 a.m. - 2:00 p.m.: Work Field
Afternoon free for volunteers
Farewell dinner

13 (Sunday):
Departure of Volunteers


domingo, 7 de outubro de 2018

LIFE "Club de Fincas": ATNatureza regista, pela primeira vez, a presença de uma nova alga na RFB || LIFE "Club de Fincas": ATNatureza registers for the first time the presence of a new algae at the RFB

A equipa da ATNatureza, registou pela primeira vez a presença da espécie de alga filiculoide Chara sp, aquando da última sessão de monitorização de verão, a uma das charcas da Reserva da Faia Brava (RFB), no âmbito do projecto LIFE “Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico”.


A presença desta espécie é uma óptima notícia que vem comprovar o progresso do processo de colonização das charcas, por parte da fauna e da flora, muito favorecido pelas abundantes chuvas da primavera e início do verão, deste ano.  

As sessões de monitorização levadas a cabo regularmente pela equipa da ATNatureza, têm como objetivo a avaliação do estado ecológico das charcas e da presença e desenvolvimento da espécie invasora Azola filiculoides.


Criadas em Setembro de 2016, no âmbito do projecto LIFE “Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico” ou LIFE “Oeste bérico” , estas 15 charcas tem como objetivo favorecer um dos habitats de alimentação preferido da cegonha-preta. 

ENGLISH VERSION

The ATNatureza team, for the first time, recorded the presence of the species philiculoid algae Chara sp, during the last summer monitoring session, in one of the pounds of the Faia Brava Reserve, under the project LIFE "Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico".

The presence of this species is a great news that proves the progress of the process of colonization of the ponds, by the fauna and the flora, much favored by the abundant rains of spring and early summer of this year.

The monitoring sessions carried out regularly by the ATNatureza team aim to evaluate the ecological status of the ponds and the presence and development of the invasive species Azola filiculoides.

Created in September 2016, under the LIFE project "Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico" or LIFE "Oeste Ibérico", these 15 ponds aim to favor one of the favorite food habitats of the black stork.


LIFE Club de Fincas: ATNatureza transforma edifício em pombal para beneficiar aves de rapina. || LIFE CLub de Fincas: ATNatureza transforms building into pigeon house to benefit birds of prey.

ATNatureza recuperou um edifício agrícola para um pombal, na Quinta do Sol, no âmbito do projecto LIFE “Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico”.
Durante os meses de Maio até Setembro, foram realizadas várias intervenções neste edifício presente na Quinta do Sol, uma das propriedades geridas pela ATNatureza, através de um acordo de custódia de terreno, no âmbito do projecto.

Durante estas, a estrutura foi isolada termicamente de forma a garantir uma temperatura interior adequada para os animais, tanto no inverno, como no verão, recolocados portões, abertas janelas e por fim, adaptado o interior para ter a capacidade de comportar, em simultâneo, a presença de 100 casais.
Em relação aos tradicionais, este novo pombal, tem a vantagem de ser um espaço muito mais amplo, mais seco e com mais luminosidade, fornecendo melhores condições aos animais.
Neste momento, a ATNatureza está a planear a aquisição do grupo fundador de pombas. Quando este repovoamento for realizado, as pombas ficarão dentro do pombal, durante uns meses, por questões sanitárias e de fixação do ninho no pombal e, após este período, o pombal será aberto.
A espécie utilizada para os repovoamentos é a pomba-das-rochas, espécie que nidifica nas arribas e que se adapta a nidificar em pombais. Esta é uma das principais espécies-presas da águia-de-Bonelli, podendo, também, ser predada pela águia-real.
Este novo pombal, junta-se assim, aos demais pombais geridos pela ATNatureza, como estratégia para contribuir para a conservação das espécies de aves de rapina ameaçadas, aumentando a sua disponibilidade alimentar. 

ENGLISH VERSION 

ATNatureza has recovered an agricultural building for a pigeon house, in Quinta do Sol, under the project LIFE "Club de Fincas por la Conservación del Oeste Ibérico".


During the months of May to September, several interventions were carried out in this building at Quinta do Sol, one of the properties managed by ATNatureza, through a land custody agreement within the project.

During these, the structure was insulated thermally in order to guarantee a suitable interior temperature for the animals, both in the winter and in the summer, replaced with gates, opened windows and, finally, adapted the interior to have the capacity to behave, simultaneously, the presence of 100 couples.

Comparing to the traditional, this new pigeon house has the advantage of being much more drier and brighter, and with wider space, providing better conditions to animals.

At this time, ATNatureza is planning the acquisition of the founder group of doves. When this repopulation is carried out, the pigeons will remain inside the pigeon house, for some months, for sanitary reasons and to fix the nest in the loft and, after this period, the this structure will be opened.
The species used for repopulations is the rock-dove, a species that nests on the cliffs and that adapts to nesting in pigeon houses. This is one of the main prey of the Bonelli's eagle, which also may be preyed by the royal eagle.

This new pigeon house, thus joins the other pigeons houses managed by ATNatureza, as a strategy to contribute to the conservation of endangered species of raptors, increasing their food availability.


LIFE Rupis: Equipa ATNatureza e Alunos de Freixo de Espada à Cinta participam na devolução de 3 grifos || LIFE Rupis: ATNatureza's team and students from Freixo de Espada à Cinta participated in the return of 3 griffon vultures

Saiba mais sobre os projecto: www.rupis.pt

A equipa da ATNatureza, no passado dia 20 de Setembro, participou, juntamente com os alunos do Agrupamento de Escolas de Freixo de Espada à Cinta, na devolução de três grifos, em Penedo Durão, no âmbito do projecto LIFE Rupis, como acção de sensibilização e educação ambiental. 

Para além dos alunos do agrupamento - no qual o projecto tem realizado sessões de sensibilização -, e da equipa da ATNatureza, estiveram ainda presentes alguns particulares, entre eles o responsável pela descoberta de um dos grifos, elementos do Centro de Interpretação Ambiental e Recuperação Animal (CIARA) e do Centro de Recuperação de Animais Selvagens do Centro Hospital Veterinário da UTAD (CRAS HVUTAD), responsáveis pela recuperação dos animais.  

Encontrados bastante debilitados por equipas dos Vigilantes da Natureza e por particulares, estes três grifos, todos juvenis, deram entrada no CIARA, que os encaminhou para o CRAS HVUTAD, para uma equipa mais especializada no tratamento de animais selvagens. 

Neste, os grifos passaram por um período de tratamento, baseado em hidratação e alimentação adequada, seguido de um período de musculação e socialização em túnel circular, sendo depois enviados de volta para o CIARA, para a fase final de recuperação. 

Para além da devolução ter sido um sucesso, em que tanto a equipa da ATNatureza como os alunos, tiveram a oportunidade de devolver estes animais ao seu habitat natural, esta revelou-se ainda mais satisfatória e gratificante, quando a equipa da ATNatureza, ao abordar o projecto com os alunos, estes souberam explicá-lo e ainda identificar as características das espécies-alvo. 

Esta não poderia ser melhor prova da importância que a sensibilização e a educação das gerações mais novas representam para a conservação dos ecossistemas a médio-longo prazo. 

ENGLISH VERSION

Know more about the project: www.rupis.pt

The ATNatureza team, on September 20th, participated, together with the students of the School Group of Freixo de Espada à Cinta, in the return of three griffon vultures, in Penedo Durão, as part of the LIFE Rupis project, as an awareness raising and environmental education action.

In addition to the students of the school group - in which the project has held awareness sessions - and the ATNatureza team, some individuals were also present, among them the person responsible for the discovery of one of the griffon vultures, elements of the Center for Environmental Interpretation and Animal Recovery (CIARA) and the Center for the Recovery of Wild Animals from the Veterinary Hospital Center  of UTAD (CRAS HVUTAD), responsible for the recovery of animals.

Found very debilitated by teams of Nature Watchers and by private individuals, these three griffon vultures, all juveniles, were admitted to CIARA, which sent them to CRAS HVUTAD, for a team specialized in the treatment of wild animals.

In this, the griffon vultures went through a treatment period, based on hydration and adequate feeding, followed by a period of bodybuilding and socialization in a circular tunnel, and then sent back to the CIARA for the final phase of recovery.

In addition to the successful return, both the ATNatureza team and the students were given the opportunity to return these animals to their natural habitat, this was even more satisfying and rewarding when the ATNatureza team, in approaching the project with the students, they were able to explain it and identify the characteristics of the target species.

This could not be better proof of the importance of raising awareness and education of the younger generation for the conservation of ecosystems in the medium to long term.


LIFE Rupis: ATNatureza vai "ao encontro" de "Rupis" || LIFE Rupis: ATNatureza "in search of" "Rupis"

Saiba mais sobre o projecto: www.rupis.pt

A equipa da ATNatureza, no passado dia 14 de Setembro, encontrou o britango "Rupis", marcado no âmbito do projecto LIFE "Rupis", e que através da transmissão GPS, permitiu atualizar a sua informação, antes deste iniciar a sua migração para África.

A recolha de informação in loco dos transmissores de GPS colocados nos britangos, permitem complementar os dados que estes enviam diariamente, permitindo maior detalhe e precisão relativamente aos locais que estes frequentam, a que velocidade, altitude e variáveis meteorológicas.

Pelo facto de não se saber quando é que o "Rupis" poderia iniciar a viagem rumo a sul, a equipa da ATNatureza, na noite de 14 de Setembro, tentou localizá-lo para receber toda a informação que faltava.
 
Através dos sinais diários emitidos pelo GPS do "Rupis", era possível perceber que este estaria a usar o mesmo local como dormitório, a duas horas de Figueira de Castelo Rodrigo, já em solo espanhol.

Após 30 min de espera, a 500 metros do local de dormitório, conseguiram estabelecer ligação com o GPS do "Rupis".

Esta acabou por se revelar uma decisão bastante feliz, visto que, alguns dias depois, o "Rupis" emitiu sinal, muito a sul do anterior, indicando que já se encontrava rumo a Àfrica. 

Esta ação de "Monitorização através de GPS dos britangos" é coordenada pela VCF (Vulture Conservation Foundation), que controla os movimentos dos britangos marcados no âmbito do projecto, sendo, no apoiada, pela Palombar e ATNatureza, parceiras locais, com melhor acesso aos locais.



ENGLISH VERSION
Know more about the project: www.rupis.pt

The ATNatureza team, on September 14th, found the egyptian vultura "Rupis", under the LIFE project "Rupis", that through the GPS transmission, allowed to update its information, before it began its migration to Africa.

 The collection of information in loco of the GPS transmitters placed in the egyptian vultures, allow to complement the data that these send daily, allowing greater detail and precision with respect to the places that they attend, to what speed, altitude and meteorological variables.

Since we did not know when "Rupis" would start travel south, the ATNatureza team, on the night of September 14th, tried to locate him to receive all the information that was missing.


 Through the daily signals issued by "Rupis's" GPS, it was possible that it would be using the same place as a dormitory, two hours from Figueira de Castelo Rodrigo, already on Spanish soil.

 After 30 minutes of waiting, 500 meters from the dormitory, they the ATNAtureza's team was able to connect with the "Rupis's" GPS.


This turned out to be a very happy decision, since a few days later, "Rupis" issued a signal, very south of the previous one, indicating that it was already on its way to Africa.


This action of "Monitoring by GPS of Egyptian Vultures" is coordinated by the VCF (Vulture Conservation Foundation), which controls the movements of the marked egyptian vultures in the scope of the project, are supported by Palombar and ATNatureza, local partners, with better access to locations.