segunda-feira, 10 de maio de 2010

Observação de aves na Faia Brava numa parceria com a SPEA

Realizámos no passado sábado um passeio ornitológico na Reserva da Faia Brava, numa parceria conjunta com a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA).
Apesar das previsões climatéricas adversas, que se vieram a confirmar, constituímos um grupo simpático de 20 participantes, das mais diversas proveniências (Lisboa, Porto, Figueira da Foz, Guarda, Figueira de Castelo Rodrigo, etc). Alguns vieram logo na véspera, outros optaram por se levantar ainda de madrugada para cumprirem o horário do ponto de encontro.
As primeiras observações foram logo feitas a partir das Hortas da Sabóia, já no interior da Reserva. Posteriormente subimos até ao Pombal da Bicha para termos uma melhor perspectiva do rio e do vale do Côa. Deste ponto conseguimos observar através dos telescópios alguns ninhos de Grifos, actualmente ocupados com a respectiva cria, ainda uma bola de penugem branca mas já de grande dimensão.
De seguida visitámos o Campo de Alimentação de Aves Necrófagas, que tem cumprido com as suas funções de fornecer suplemento alimentar à população de abutres do Vale do Côa, principalmente ao Britango, que se encontra em regressão.

Entretanto, à hora de almoço começou a chover o que nos obrigou a abrigarmo-nos e a almoçarmos no interior de um curral usado actualmente por uma garrana e o seu potro de 2 semanas.


A chuva não nos largou mais e marcou presença durante o resto da tarde. Ainda assim fizemos mais um pequeno troço a pé o que nos permitiu ver mais algumas espécies.
Tentámos e esperámos ver a Toutinegra-tomilheira (Sylvia conspicilata) mas sem sucesso.

Conclusão do dia:
32 espécies de aves observadas, das quais destacamos as seguintes: Grifo (Gyps fulvus), Britango (Neophron percnopterus), Águia-calçada (Hieraaetus pennatus), Águia-cobreira (Circaetus gallicus), Milhafre-real (Milvus milvus, Toutinegra-real (Sylvia hortensis).