sábado, 28 de maio de 2011

Um dia no alimentador de abutres

É colocado periodicamente suplemento alimentar no comedouro de abutres presente na Reserva da Faia Brava, acção que se enquadra nas medidas de conservação de abutres europeus como os nossos Abutre do Egipto e Grifo. Quando presentes podem proporcionar espectáculos de pura vida selvagem e cada espécie tem a sua estratégia para aproveitar o alimento: desde os Abutres do Egipto a caminhar entre a confusão gerada pelos Grifos aos Milhafres que tentam roubar pedaços em voos rasantes de alta velocidade.


Dependendo da época do ano, também pode aparecer no alimentador Milhafre-preto, Milhafre-real, Águia-real, Pega-azul, Corvo e quem sabe até Abutre-preto. Nota-se ainda a presença regular de Chapim-real, Melro-azul, entre outros.



Tragam o vosso equipamento fotográfico e venham testemunhar vocês mesmo: