segunda-feira, 27 de junho de 2011

CAMPO DE VOLUNTARIADO JOVEM Bosques da Faia Brava – Alerta Verde


Bosques da Faia Brava – Alerta Verde
Datas: 09
a 16 de Julho de 2011



dois dias para fecho de inscrições! 

Descrição
Na Faia Brava está a nascer um novo bosque, vivo, cheio de biodiversidade, que todos podem visitar e que todos podem ajudar a crescer. Com o apoio de voluntários, pretendemos recuperar e melhorar o coberto florestal de áreas que foram afectadas por incêndios, restaurar as principais linhas de água, contribuindo assim para a conservação do mosaico agro-florestal e das espécies de fauna e flora que dele dependem.

Objectivos
Aumento da área florestal (sobreiral) na Reserva da Faia Brava em 40%, constituição de cortinas de árvores folhosas, diversificação do coberto vegetal, aumento da biodiversidade, protecção contra fogos e protecção contra a erosão, sensibilização da população local e dos jovens para a importância económica e ecológica da floresta.

Tarefas
Gestão florestal (manutenção do viveiro, rega de árvores);
Limpeza da floresta (colecção de lixo e desmatações manuais);
Vigilância contra fogos (acções de vigilância e construção de torre de vigia);
Monitorização da biodiversidade do bosque (participação no inventário de biodiversidade da Faia Brava - aves e insectos).

O campo de trabalho terá a duração de 8 dias, sendo o local de dormitório o eco-acampamento das Hortas da Sabóia, na Reserva da Faia Brava. Este campo de trabalho destina-se a 20 jovens portugueses e estrangeiros.

Programa Detalhado
1º Dia. 0 horas de trabalho. 0 horas de animação
13h00 Recolha dos participantes em Vila Nova de Foz Côa. Transporte até Algodres
15h00 - 16h00 Recepção dos participantes em Algodres e preparação de acampamento
17h00 Breve apresentação sobre a ATN e sobre o programa de trabalhos, visita guiada
18h00 – 19h30 Preparação do jantar
20h00 Jantar convívio com staff da ATN

2º Dia . 6 horas de trabalho. 0 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Viveiro florestal (rega de plantas) e Vigilância contra fogos. 3 horas de trabalho
12h30 Almoço de campo (Hortas da Sabóia, Reserva da Faia Brava)
14h30 – 17h30 Viveiro florestal (rega de plantas) e Vigilância contra fogos. 3 horas de trabalho
20h00 Jantar

3º Dia. 6 horas de trabalho. 4 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Viveiro florestal (rega de plantas) e Vigilância contra fogos. 3 horas de trabalho
12h30 Almoço de campo (Hortas da Sabóia, Reserva da Faia Brava)
14h30 – 17h30 Viveiro florestal (rega de plantas) e Vigilância contra fogos. 3 horas de trabalho
20h00 Jantar

4º Dia . 6 horas de trabalho. 0 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Gestão florestal (limpeza de áreas florestais - colecção de lixo e desmatações manuais). 3 horas de trabalho
14h30 – 17h30 Gestão florestal (limpeza de áreas florestais - colecção de lixo e desmatações manuais). 3 horas de trabalho
20h00 Jantar
20h00 Jantar convívio com a população local

5º Dia. 6 horas de trabalho. 2 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Gestão florestal (limpeza de áreas florestais - colecção de lixo e desmatações manuais). 3 horas de trabalho
14h30 – 17h30 Gestão florestal (limpeza de áreas florestais - colecção de lixo e desmatações manuais). 3 horas de trabalho
20h00 Jantar
21h00 – 23h00 Sessão de monitorização de borboletas nocturnas


6º Dia. 0 horas de trabalho. 8 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 18h00 Passeio guiado ao Parque Arqueológico do vale do Côa e Paruqe Natural do Douro Internacional
20h00 Jantar

7º Dia. 6 horas de trabalho. 0 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Monitorização da biodiversidade do bosque (Aves). 3 horas de trabalho
14h30 – 17h30 Monitorização da biodiversidade do bosque (Insectos). 3 horas de trabalho
20h00 Jantar convívio

8º Dia (quinta-feira, 8 Julho). 6 horas de trabalho. 2 horas de animação
08h00 – 8h30 Pequeno-almoço
09h00 – 12h00 Avaliação do campo de trabalho e transporte de participantes

O que são os Campos de Voluntariado Jovem?
Experiências colectivas e residenciais de voluntariado para grupos de jovens nas florestas e comunidades locais para a valorização dos recursos florestais.
Objectivos
- Proporcionar aos jovens a oportunidade de realizarem actividades de voluntariado nas vertentes de defesa, protecção, preservação da floresta, contribuindo para uma melhoria de vida das populações e/ou dos seus meio rurais e/ou urbanos, fomentando o intercâmbio de jovens de diferentes regiões do País

Que tipo de actividade?
- limpeza de espaços florestais,
- recuperação de trilhos e caminhos,
- observação e vigilância de fauna e flora,
- acções de divulgação e sensibilização das populações e jovens,
- acções de prevenção para evitar a ocorrência de incêndios,
- outras relacionadas com as florestas.

Duração da actividade e período de elegibilidade
- Cada Campo tem a duração de 7 noites/8 dias consecutivos e decorrem entre 1 de Maio e 31 de Outubro

Quem se pode inscrever?
 - Jovens portugueses e estrangeiros residentes em Portugal entre os 18 e os 30 anos

Direitos e Deveres dos jovens
- Os participantes têm direito a alojamento, alimentação e seguro de acidentes pessoais durante a estadia, tendo apenas a seu cargo as despesas de deslocação de ida e volta do Campo.

Taxas de inscrição
- Os jovens voluntários inscritos terão de pagar uma taxa de inscrição no valor de € 2,00 € por noite, num total de 14,00, por cada Campo através de multibanco ou cheque.
- A inscrição efectiva-se com o pagamento da respectiva taxa, podendo os jovens participar em mais do que um Campo.

Como efectuar a inscrição?
A inscrição é online no Portal da Juventude no endereço abaixo referido em "Mais informações", Loja Ponto Já e/ou DR do IPJ.
Podes inscrever-te até 8 dias (inclusive) antes do início de cada Campo e pagar a respectiva taxa de inscrição.
A partir de 20 de Abril mantêm-te atento aos Campos aprovados e consulta as fichas informativas no site das inscrições online.

Contactos
Em caso de dúvida podes contactar os Serviços do IPJ, I.P. da tua área de residência