quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Mais uma espécie para a lista: Poronia punctata

Foi acrescentada mais uma espécie de fungo à já vasta lista de biodiversidade existente na Reserva da Faia Brava. Poronia punctata - “Nail fungus” em inglês -  deve o seu nome à semelhança dos corpos de frutificação com pregos. A haste é castanho-escura, quase preta, enquanto a cabeça branca se expande com pequenos poros pretos.
Esta espécie não se encontra na Lista Vermelha da IUCN, mas uma avaliação provisória do seu estatuto considera-a Vulnerável. Pode-se encontrar exclusivamente em esterco antigo, geralmente de burros ou cavalos e ocasionalmente de gado e elefantes.
Sendo que hoje em dia a grande maioria destes animais vem sendo substituída por máquinas e veículos, este fungo tornou-se extremamente raro em algumas partes do mundo, particularmente na Europa. É também sensível a produtos não-naturais, como aditivos no alimento dos animais, mais um factor que contribui para o seu declínio.
A sua conservação requer fontes de alimento para os herbívoros que estejam livres de aditivos e a protecção dos campos não tratados onde eles habitam.

Este exemplo vem validar a estratégia de gestão da Faia Brava, onde a manada de cavalos garranos vive e se alimenta com o mínimo de intervenção humana possível, contribuindo assim para a proliferação deste fungo.

Deixamos aqui um agradecimento à nossa voluntária Diana Dias, que num dia de trabalho de campo descobriu este pequeno cogumelo, e também um "muchas gracias" ao Juan Carlos Zamareño e José Inácio, da Sociedade Micológica de Cidade Rodrigo, pela ajuda na identificação.