quarta-feira, 7 de novembro de 2012

FEIRA E COLÓQUIO DE ARTESANATO E PRODUTOS DA TERRA DO ALTO CÔA (MERCADO DA TERRA)


288454d28e369b2594d3515d6fc0c5f0.jpg


















A ATN vai estar presente, a vender os seus produtos, o azeite, e os novos produtos que pode encomendar aqui.
 
Este certame tem como principal finalidade a promoção e divulgação de actividades, nomeadamente as que estão associadas ao mundo rural e ao artesanato da região. É um espaço de divulgação das potencialidades do meio rural, numa expectativa de valorização da sua diversidade e qualidade da sua cultura e dos seus produtos.
Pretende-se revelar a importância da agricultura tradicional, para o equilíbrio do ambiente e preservação do património cultural das nossas comunidades, colocando em destaque as propriedades dos produtos agrícolas e artesanais da nossa região: o sabor, o perfume, o gosto, a cor e a textura, procurando simultaneamente reforçar redes de comercialização.
Em termos de expositores, o Certame pretende contar com a participação de agricultores, artesãos e de outras actividades que se relacionam com o mundo rural, assim como, os produtores de enchidos, doces tradicionais, compotas, vinhos, hortaliças, mel, castanha, licores, fruta, entre muitos outros produtos da terra.


Para além do Mercado da Terra, irá realizar-se pelas 10:30 horas do dia 17 de Novembro (Sábado) um colóquio sobre "Empreendedorismo Rural", com o seguinte programa:
- Sessão de abertura:
Presidente da Câmara Municipal do Sabugal / António Robalo
Presidente da ADES / Daniel Simão
 - PEIR – Programa de Empreendedorismo e Inovação Rural do Sabugal / Teresa Vieira
 - Transformação Produtos Agrícolas – Licenciamento / DRAPC – Maria João Águas
- O futuro da fileira da Castanha / Sabugal + - Emanuel Aguiar
- Empresas Locais, apresentação de casos práticos
- Debate.
- Abertura Oficial do Mercado da Terra.
O horário do Mercado, será das 12 horas às 21 horas no dia 17 (Sábado) e das 14 horas às 19 horas no Domingo.
Esta iniciativa é uma forma de dar a conhecer e promover hábitos e costumes da região, reviver memórias esquecidas ao longo do tempo, num contexto inovador e favorecedor de vivências tradicionais. Pretende-se que seja um espaço de comunicação entre pessoas detentoras de conhecimentos e práticas relacionadas com a cultura rural, interagindo com gerações mais novas e com populações portadoras de outras culturas e saberes, numa perspectiva educativa e formativa. A Feira proporciona contatos, encontros, troca de serviços, troca de produtos, compra e venda, movimentando o cenário produtivo local e da região como um todo.
Não falte, aguardamos por si! In Cinco Quinas